Ipea projeta maior crescimento e menor inflação em 2023

PIB pode crescer 2,2% e previsão é que inflação fique nos 5,1%

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, diante dos avanços observados na economia brasileira nos três primeiros meses do ano, reviu as previsões econômicas e espera que o Brasil cresça mais e que a inflação seja menor do que o esperado anteriormente para 2023.

 

n/d

 

As novas previsões e as análises do instituto foram divulgadas ontem, na Visão Geral da Conjuntura.

 

A nova previsão do instituto é que o Produto Interno Bruto cresça 2,2% em 2023. A antiga previsão, até março, era de um crescimento de 1,4%. Já a inflação deve ser menor. A previsão da Diretoria de Estudos e Políticas Macroeconômicas para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo passou de 5,6% para 5,1% em 2023.

 

De acordo com o relatório, a revisão da previsão do PIB em 2023 ocorreu após o crescimento dos primeiros três meses do ano ter superado as expectativas do Ipea. A previsão do instituto para o período era um crescimento de 1,2% em relação ao período anterior, ou seja, em relação aos últimos três meses de 2022, e que avançasse 2,7% em comparação com os primeiros três meses de 2022. O crescimento, no entanto, foi maior, 1,9% em relação ao trimestre anterior e 4% em relação ao mesmo período de 2022.//Agência Brasil


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

  3222-4334

NO AR

Pelotense a Caminho do Sol - Musical

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS