Instituições são investigadas por usar dados para empréstimos no RS

Sindicato dos Servidores pede atenção da população

A Polícia Civil investiga funcionários de instituições financeiras suspeitos de usar dados de aposentados e pensionistas do Rio Grande do Sul para contratação de empréstimos consignados.

 

n/d

 

De acordo com o delegado Rafael Soares Pereira, titular da 1ª Delegacia de Polícia de Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, e responsável pela investigação, há casos de pessoas que tiveram, em suas contas, mensalidades de serviços contratados canceladas e até pagamentos de seguros e planos de saúde excluídos para abrir limite para a contratação dos empréstimos.

 

O Sindicato dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas do Estado do Rio Grande do Sul afirma que a população não deve passar nenhum dado, como login e senha, por telefone. 

 

A Federação Brasileira dos Bancos disse, em nota, que o sistema de autorregulação do crédito consignado busca acabar com as más práticas relacionadas à oferta desse tipo de crédito desde 2020. Além disso, que sempre comunica as autoridades sobre falsificações.//g1


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

  3222-4334

NO AR

A Noite é Nossa

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS