RS entra na sexta semana seguida de bandeira preta no decreto do distanciamento controlado

Sistema de cogestão, que permite flexibilização das normas, foi mantido pelo governo do estado

O governo do Rio Grande do Sul anunciou, no fim da tarde de sexta-feira (2), uma nova atualização do mapa do decreto do distanciamento controlado, que estabelece as medidas de restrição contra a disseminação do coronavírus. Pela sexta semana consecutiva, todas as regiões do estado foram classificadas em bandeira preta, que significa risco altíssimo de contágio.

Devido à gravidade do cenário, o Executivo estadual vetou a possibilidade de reconsideração da bandeira, através de recursos dos municípios. Entretanto, o sistema de cogestão foi mantido. Com isso, as regiões podem adotar medidas mais flexíveis, desde que não sejam mais brandas do que a bandeira vermelha.

Conforme o Palácio Piratini, a análise dos 11 indicadores do modelo mostra que houve redução no número de pacientes com Covid-19 em leitos clínicos (-20%), além de leve queda no número de internados pela doença em leitos de UTI (-4%).

Entretanto, o número de óbitos aumentou 16% da última semana para esta. Outro fator que fez valer a bandeira preta é a razão entre leitos de UTI livres e ocupados. Sem esse indicador, ainda sob pressão, todas as regiões do RS poderiam estar em bandeira vermelha, afirmou o governo.n/d


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

  3222-4334

NO AR

-

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS