Plano de Guaidó para Venezuela tem como prioridade resgatar democracia

Crise na Venezuela

Imagem da InternetImagem da InternetFoto: Internet

 

O Plano País, programa apresentado por Juan Guaidó para conter a crise na Venezuela, tem como prioridade "resgatar o direito e a democracia", assim como restabelecer a capacidade do país "para fornecer bens e serviços públicos". Outro objetivo é "criar mecanismos para prestação de contas que possam ser monitorados pelos cidadãos".

 

"Todo o plano para resgatar a Venezuela passa por a libertar das forças que a oprimem", destacou Guaidó ao apresentar o plano nesta quinta-feira (31) no auditório da Escola de Ciências Económicas e Sociais da Universidade Central da Venezuela. "Depois da libertação é imperativo recuperar o Estado venezuelano e colocá-lo ao serviço do povo, dar poder aos venezuelanos para que libertem as suas forças criativas e produtivas, e reinserir o país [no universo] das nações livres do mundo", acrescentou.

 

Segundo o texto, as grandes prioridades passam por estabilizar a economia, reativar a indústria petrolífera e criar uma nova lei de hidrocarbonetos, bem como assegurar o acesso a serviços públicos de qualidade, garantir a segurança cidadã integral, gerar confiança e segurança jurídica.

 

Fonte: Correio do Povo


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

  3222-4334

NO AR

Sempre é Carnaval

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS