Agência de Mineração tem um quinto do pessoal necessário em MG

Deficiência do quadro de funcionários para a fiscalização de barragens

Imagem da InternetImagem da InternetFoto: Internet

 

Relatório de auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) aponta que a Superintendência da Agência Nacional de Mineração (ANM) em Minas Gerais conta com um quinto do pessoal necessário para atender à demanda de trabalho do estado.

 

Segundo a auditoria do TCU, de 2016, o antigo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) necessitava de 384 funcionários, mas contava à época com 79.

 

Atualmente, segundo a Agência Nacional de Mineração (ANM), que sucedeu o departamento, há 74 funcionários em Minas Gerais. Cabe à ANM regular e fiscalizar o setor. A agência é responsável, por exemplo, pela fiscalização das barragens de rejeitos de minérios.

 

Fonte: G1 


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

  3222-4334

NO AR

Pelotense Esportes

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS