Com cobertura vacinal ainda em baixa, Saúde lança ação com Zé Gotinha sério

Programa Nacional de Imunizações

n/d

Apesar do maior debate em torno da importância da vacinação, dados do Ministério da Saúde mostram que a cobertura ainda está abaixo da meta neste ano para as principais vacinas indicadas a bebês e crianças. 

 

Levantamento preliminar feito pelo Programa Nacional de Imunizações obtido pela Folha aponta que o país registrava, até agosto, coberturas entre 57% e 76% em crianças menores de dois anos. 

 

O ideal, no entanto, é que essas coberturas cheguem até o fim do ano a 90%, no caso da vacina BCG, e 95% para as demais. Entre as vacinas com menor cobertura até o momento estão a hepatite A, com 57,1%, e a pentavalente, com 59,6%, que protege contra difteria, tétano e coqueluche, entre outras doenças. 
 

Os dados devem ser divulgados pela pasta nesta quarta-feira (11) com uma nova campanha para informar sobre os riscos da não vacinação.

 

Figura central em campanhas de vacinação, o personagem Zé Gotinha, criado na década de 1980 deve mudar de tom. Famoso pelo sorriso que estampa sua cabeça em forma de gota [em alusão à vacina oral contra a poliomielite], o personagem deve agora aparecer em tom sério e preocupado. 

 

Fonte: Folha de S. Paulo 


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

NO AR

Jornal Regional

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS