Acordo entre Estado e União destina R$ 222 milhões em obras de água e esgoto

Programa Saneamento para Todos

Imagem da InternetImagem da InternetFoto: Internet

Uma boa notícia para os moradores de sete municípios gaúchos foi confirmada nesta quinta-feira (11). Capão da Canoa, Gravataí, Imbé, Pedras Altas, Rio Grande, Tramandaí e Xangri-Lá vão receber um investimento de R$ 222 milhões para obras de água e esgoto. O recurso faz parte do Programa Saneamento para Todos, do governo federal. O contrato de financiamento foi assinado entre a União, que entra com R$ 210,6 milhões, e o Estado, a quem cabe uma contrapartida de R$ 11,4 milhões, provenientes da Corsan. 

 

Sartori disse que, mais uma vez, a união de esforços entre os governos federal, estadual e municipais permite que o Rio Grande do Sul avance nas mudanças estruturais. "Universalizar e melhorar os serviços públicos de água e esgoto é um dever nosso e um grande desafio. Somente 14% da população gaúcha tem esgoto coletado e tratado. Esse número nos envergonha porque significa que, ao longo dos anos, obras necessárias não foram priorizadas. 

 

Segundo a Corsan, os recursos já estão garantidos e serão liberados durante a execução das obras. A meta da companhia é fazer as licitações - para saber quais empresas vão realizar os serviços – ainda neste semestre e começar os trabalhos na segunda metade do ano. O tipo de obra e o valor variam conforme o município. Entre as melhorias previstas, estão, por exemplo, a implantação de redes coletoras de esgoto, a instalação de redes de bombeamento e a ampliação do sistema de esgotamento sanitário. 

 

Fonte: Governo RS


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

NO AR

Multiesporte - Apresentação: Sergio Cabral

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS