Comissão da Câmara mantém cargos de vice e suplentes de senador

A comissão especial da Câmara discute a reforma política

n/dImagem da InternetFoto: Internet

A comissão especial da Câmara que discute a reforma política aprovou nesta quinta, mais duas mudanças na proposta do relator, Vicente Cândido (PT-SP), para manter os cargos de vice-presidente, vice-governador e vice-prefeito e de suplentes de senadores – o texto original previa a extinção dessas funções.

 

O destaque que manteve os cargos de vice foi proposto pelo PP. Cândido havia proposto o fim desses postos com o argumento de que eles não têm função definida e representam um custo para os cofres públicos. Também foi o PP que apresentou o destaque para manter os suplentes de senador. O relator tinha sugerido que o deputado federal mais votado do partido ou coligação do senador o substituísse nas licenças – hoje, o senador é eleito com dois suplentes.

 

A proposta de Cândido foi criticada pelo deputado Cacá Leão (PP-BA), que viu incoerência na substituição de um senador por um deputado. Para ele, o mais correto seria chamar o candidato ao Senado mais votado logo depois do parlamentar eleito.

 

O texto final aprovado pelos vereadores deste colegiado será submetido depois ao plenário. Para entrar em vigor já na eleição de 2018, as mudanças precisam ser aprovadas até um ano antes da disputa do próximo ano, cujo primeiro turno será no dia 7 de outubro.

 

Fonte: Veja


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

NO AR

Pelotense Esportes

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS