Pelotas registra 2 homicídios em fevereiro e 12 em 2017.

Dos 12 casos, dois ocorreram em fevereiro. Entre as vítimas está um detento assassinado dentro do Presídio Regional de Pelotas

n/d

Adão Martim Souza, de 59 anos idade, morador na Avenida Auguste Saint Hillaire, no Bairro Areal, foi encontrado morto por uma das suas irmãs na tarde da quarta-feira (09/02). No corpo de Adão que residia com sua mãe havia um ferimento na cabeça, provocado por objeto não identificado pelos agentes da Delegacia de Homicídios, e sinais de enforcamento. Também havia muito sangue no local. A Polícia trata o caso como homicídio e a causa da morte está sendo apurada. Este é 11º caso de 2017.

 

12ª Caso

 

O detento, Vagner Farias Prestes, de 33 anos idade foi assassinado no interior da cela 8, na Galeria “D” do Presídio Regional de Pelotas. Antes de morrer por estrangulamento, a vítima espancada e foi torturada por mais de três horas, O crime ocorreu na madrugada da segunda-feira (13/02). Além do detento agredido e morto, outros 11 apenados estavam na cela superlotada, onde deveriam estar 4 pessoas. A investigação vai apontar qual dos detentos é o autor do crime e qual a motivação. O preso assassinado cumpria condenação por furto qualificado.

 


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

  3222-4334

NO AR

Jornal Regional

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS