O mês de Janeiro fecha com 9 homicídios

Dos nove casos um é considerado passional

n/d

Os casos ocorrerem na Zona Norte, Centro e Porto de Pelotas

 

Dos nove casos cinco estão esclarecidos pelos Agentes da Delegacia de Homicídios de Pelotas e, segundo os registros, foram motivados por desavenças. Diferentemente do assassinato de Ana Janete Flores Nunes de 50 anos de idade que foi morta pelo marido, o policial militar – Assis Dari de Souza Nunes de 59 anos de idade que na seqüência do episódio cometeu suicídio.

 

Confira os casos abaixo

 

 

1º) No dia 5 de janeiro,quinta-feira – Fabrício Gomes Fernando de 28 anos de idade foi executado com 5 tiros por um homem que invadiu sua oficina mecânica, localizada na Avenida República do Líbano.

 

 

2º) Na noite do dia 11 de janeiro, quarta-feira – Ari Weege de 61 anos de idade foi morto na Zona Norte de Pelotas. Ele estava na frente de um bar, na rua 8 do bairro Sanga Funda, quando foi atingido por dois tiros disparados do interior de um automóvel. Ao ser ferido, Ari saiu correndo e gritando por socorro, mas acabou tombando sem vida no pátio de um vizinho.

 

 

3º) Na noite do dia 11 de janeiro,quarta-feira – Gleisson Moreira dos Santos de 17 anos de idade foi encontrado caído na avenida Zeferino costa com ferimentos no peito, provocados por arma de fogo, e veio a falecer no PS municipal.

 

 

4º) Na madrugada do dia 14 de janeiro, sábado – Ana Janete Flores Nunes de 50 anos de idade foi assassinada pelo marido, o policial militar – Assis Dari de Souza Nunes de 59 anos de idade que na seqüência do episódio cometeu suicídio. A motivação teria sido passional. O fato ocorreu na casa de familiares de Janete no Bairro Navegantes II, onde o casal estava hospedado.

 

5º) No dia 21 de janeiro, sábado – Alexandre Radke Rochafoi executado a tiros dentro da sua residência na rua 15 do Núcleo Residencial Arco Íris, Zona Norte de Pelotas.

 

6º) No dia 23 de janeiro, segunda-feira – o comissário de polícia aposentado, Marco Antonio da Silva e Silva de 65 anos de idade foi executado com 5 tiros no bairro Fragata e foi a óbito.

 

7º) No dia 25 de janeiro, quarta-feira – Maurício da Silva Tavares de 19 anos de idade foi executado com 5 tiros no bairro Getúlio Vargas.

 

8º) No dia 26 de janeiro, quinta-feira – Sérgio Luiz Stanm Fontes, de 21 anos de idade, foi encontrado com mãos e pés amarrados e um tiro na cabeça, junto a um mato na rua Benjamin Constant.

 

9º) No dia 26 de janeiro, quinta-feira – Letaniel Ávila Jardim de 18 anos de idade foi encontrado baleado, por volta das 11h da manhã, dentro da casa onde morava no Loteamento Dunas – bairro Areal. Letaniel foi socorrido, mas foi a óbito no PS Municipal.

 

 


Rádio Pelotense - AM 620 KHZ

  3222-4334

NO AR

Jornal Regional

Ouvir agora

Desenvolvido por:

PluGzOne - Criação de Sites e Desenvolvimento de Sitemas Web, Mailmarketing, SMS em Pelotas - RS